terça-feira, 29 de agosto de 2006

Explosão de nomes estrangeiros

bebe.jpgBoa parte do meu trabalho consiste em contestar judicialmente ações ajuizadas pretendendo que o poder público forneça medicamentos que não são fornecidos pelo sistema único de saúde.
Desgraçadamente a maioria deles é de crianças.

Percebi um número enorme de crianças com nomes estrangeiros nos processos.

Fico pensando o desafio que representa aos professores das séries iniciais do nosso problemático sistema educacional alfabetizar essas crianças cujos pais têm grandes probabilidades de sequer saber escrever corretamente o português.

De fato, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral, 55% do eleitorado brasileiro tem no máximo o primeiro grau completo, o que torna muito improvável que os pais dessas crianças possam escrever e se expressar em português, menos ainda teriam condições de ensinar aos filhos escrever o nome que dão a eles.

Além disso, sabe-se que algumas letras estrangeiras sequer pertencem ao nosso alfabeto e a pronúncia às vezes é completamente diferente.

Mas ainda assim, o povão acha bonito e a explosão demográfica dos Patrick, Erick, Jonathan, William, Ryan não dá sinais de arrefecer.

5 comentários:

  1. no campos de futebol se ve aos montes nomes como estes, refletindo a realidade de certa forma, mas será questão impedir?

    ResponderExcluir
  2. Por aqui é igual. Tive um aluno, nascido em Venezuela, para onde imigraram muitos madeirenses durante anos, chamado Jerry Louis porque o pai era fã do actor de cinema americano, mas nem sabia soletrar o nome devidamente...

    ResponderExcluir
  3. Meu caro,não perca seu valioso tempo por tao causa. Existem causas mais nobres e de extrema urgência que clamam pela devida atenção. De que importa o nome quando se tem fome e frio ou se esta doente. A nesse país negros,brancos novos e velhos que precisam de um pequeno espaço para gritar seus direitos, e serem lembrados como nossos irmãos. VIELEM DANK! und AUF VIEDERSEHEN

    ResponderExcluir
  4. gostei muito de pesquisar aqui....

    ResponderExcluir
  5. a resposta ésimples:os no,es portugueses sao sempre iguais manuel,antonio,fransisco,joaquim,paulo,etc,etc,etc...as pessoas tao cansadas desses nomes e procuram nomes mais jovens e diferentes!!1o meu filho chama-se sven..ea bom que as pessoas em portugal pudessem por a seus filhos os no,es que quisessem e nao tivessem que seguir "tradicoes"...............

    ResponderExcluir